Publicada em 12/09/2017 às 09:45

O Jardim de Deus – Por Ricardo Oliveira

As matas estão sendo destruídas, as águas já não suportam a poluição, e a Terra dá o seu grito:“Socorro! Salva este chão”.

Cuide da Casa Comum,
Pois Deus é o Criador.

Que cheio de amor nos deu,
De graça, por graça e esplendor.

As matas estão sendo destruídas,
As águas já não suportam a poluição,

E a Terra dá o seu grito:
“Socorro! Salva este chão”.

Povos estão sendo prejudicados,
E cada vez mais lançados a caminhar,
Como outrora para o Egito,

A procura da Prometida Terra que há...
Vida e não morte,
As nascestes e tudo o mais.

Clamamos a Deus,
Com o coração aberto, porque Ele nos conhece:
Para ajudar na valorização,
E conscientização ecológica.

Vamos juntos lutar,
Sermos seres humanos harmoniosos.

Deus nos fez com ternura,
Então, por que tanta loucura,
Em devastar a alma da natureza? O Jardim de Deus?

Seguimos em Romaria,
Nos passos de um novo dia,
Com a luz que vem do Nosso Senhor!

 

 

Ricardo Oliveira: Cientista da Religião, Professor, Poeta desde 2003, Especialista em Gestão e Docência em Educação Integral. Colabora com diversos jornais desde 2008. Coluna VERSOS PARA DEUS (n°42) - escrita em 11/09/2017. E-mail: oliveirapoeta.oliveira@gmail.com. Grupo no Facebook: Coluna Versos para Deus.

Autor: Ricardo Oliveira
Fonte: O Nortão

Comente com o Facebook